AGENDA APP em foco Clipping Notícias GEO OPINIÃO Cruzeiros Desporto LAZER Ambiente
Fotos Pescas Blogs Facebook Twitter Slideshare YouTube ARTE Áudio DOSSIERS
  • PORTAL APP | 26 Dossiers disponíveis | COM MAIS DE 1000 NOTÍCIAS
  • PORTAL APP - 5.216 notícias publicadas até 24.10.2012 e integralmente disponíveis
  • APP no TWITTER: http://twitter.com/portosportugal
  • APP no FACEBOOK: http://www.facebook.com/portosdeportugal
  • APP no YOUTUBE: http://www.youtube.com/portosdeportugal
Utilidades APLOP Newsletters MediaMar EDUCARE Biblos Museus História Prémios Associativismo
CONTACTOS SOBRE A APP CIÊNCIA Energia VÍDEOSREGISTAR-SELOGIN

Porto de Sines cresceu 14,3% nos contentores entre Janeiro e Novembro

O segmento dos contentores continua a estar em grande destaque no Porto de Sines. Segundo os dados da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), o porto alentejano continuou em Novembro a sua forte tendência de crescimento.

 

Num sistema portuário nacional que movimentou 2,76 milhões de TEU’s entre Janeiro e Novembro de 2017, naquele que passou a ser o melhor período homólogo da história, o Porto de Sines surge em destaque «ao exceder em +14,3% o volume homólogo de 2016», refere a AMT, que ressalva que, em termos percentuais, só o Porto de Lisboa aparece à frente na evolução durante este período.

Em relação a Sines e à movimentação no Terminal XXI, a AMT lembra ainda que «o tráfego de contentores é fortemente influenciado pelas operações de transhipment realizadas no Porto de Sines» e que, entre Janeiro e Novembro, «este segmento de tráfego representou cerca de 44,8% do volume total de TEU movimentados no sistema portuário e cerca de 79,5% do movimento do próprio Porto de Sines».

Porto de Sines continua com mais de metade do movimento portuário nacional

Os dados da AMT mostram que os portos nacionais movimentaram um total de 88,8 milhões de toneladas até Novembro e, como vem sendo habitual, a “fatia de leão” desse total pertence ao Porto de Sines que, ainda assim, registou um ligeiro recuo de 0,9% em toneladas manuseadas. Um recuo que não impede que continue a ter mais de metade da carga movimentada nos portos do continente.

«O Porto de Sines, apesar de manter a sua posição de líder, com uma quota de 52,2% do volume de mercadorias movimentadas, registou entre Janeiro-Novembro de 2017 um recuo de -0,9% face ao volume homólogo movimentado em 2016, o correspondente a -406,4 mil toneladas».

Neste contexto de ligeiro decréscimo, a AMT ressalva que «este comportamento não reflecte qualquer quebra na dinâmica de crescimento que Sines tem vindo a demonstrar de forma sustentável nos últimos anos, mas reflecte tão somente a incapacidade de anular o efeito travão associado ao transbordo circunstancial de 1,7 milhões de toneladas de Petróleo Bruto que teve que efetuar (extraordinariamente) em 2016 para possibilitar o abastecimento da refinaria de Matosinhos, impossibilitada de descarregar esta matéria prima no terminal oceânico de Leixões, que esteve inoperacional durante cerca de seis meses para manutenção da sua monoboia em estaleiro».

fonte




Data: 2018-01-10
Autor:

 vídeo

APP lança vídeo “Journey to the center of the world”

 Poesia pelo Porto de Leixões

 

 APP pelo Facebook

 Consulte os dossiers do Portal APP

 NRP Sagres Volta ao Mundo 2010

 Se calha a sorte para a Armada…

 A Ver Navios

 Inauguração do novo Cais de Cruzeiros do Porto de Leixões

 Paquete Infante D. Henrique

 Arte xávega ou companhas das artes – Praia de Mira

 Nautilus Minerals - ROV Drill MINING

 Pesca artesanal valorizada em Sesimbra (1)

 Nova marina no Porto de Lisboa

 Funchal 500 Tall Ships Regatta – La Bamba

 Filatelia - Farol do Cabo Espichel

 Porto de Aveiro visto do céu

 APP no slide.com

 APP no SLIDESHARE

 APP no FACEBOOK

 Varandas | Maria de Fátima Caeiro

Varandas | Maria de Fátima Caeiro

Mais detalhes aqui

Associação dos Portos de Portugal © 2010 - Design & Programação by Idea Factory