AGENDA APP em foco Clipping Notícias GEO OPINIÃO Cruzeiros Desporto LAZER Ambiente
Fotos Pescas Blogs Facebook Twitter Slideshare YouTube ARTE Áudio DOSSIERS
  • PORTAL APP | 26 Dossiers disponíveis | COM MAIS DE 1000 NOTÍCIAS
  • PORTAL APP - 5.216 notícias publicadas até 24.10.2012 e integralmente disponíveis
  • APP no TWITTER: http://twitter.com/portosportugal
  • APP no FACEBOOK: http://www.facebook.com/portosdeportugal
  • APP no YOUTUBE: http://www.youtube.com/portosdeportugal
Utilidades APLOP Newsletters MediaMar EDUCARE Biblos Museus História Prémios Associativismo
CONTACTOS SOBRE A APP CIÊNCIA FUTURO Energia Remoção Lista POL. PRIVACIDADE VÍDEOSREGISTAR-SELOGIN

Bruxelas prevê cortes nas pescas de nove espécies em águas portuguesas

A Comissão Europeia apresentou quarta-feira a sua proposta de possibilidades de pesca para 2013 no Atlântico, que prevê a redução dos totais admissíveis de capturas (TAC) para nove unidades populacionais em águas portuguesas, na grande maioria acima dos 20%.

Entre as unidades populacionais para as quais é proposta uma redução de TAC, contam-se reduções de 55% das capturas de arinca e de 38% para as de tamboril na costa portuguesa, Portugal Ocidental, Açores e Madeira.

Ainda para estas águas territoriais, Bruxelas propõe também a redução de 27% do total de capturas de areeiros, 20 por cento das possibilidades de pescas de solha, juliana, escamudo e linguado, 10% das capturas de lagostim, e, por fim, uma redução de 3 por cento das capturas de carapau na costa portuguesa e Portugal Ocidental.

Em contrapartida, a proposta da Comissão admite aumentos das possibilidades de pesca de pescada (15%) na costa portuguesa, Portugal Ocidental, Açores e Madeira, e de 1 por cento das capturas de bacalhau nos Açores e Madeira, mantendo inalteradas as quotas para a anchova.

Ao critério de Portugal, ficam as possibilidades de pesca de Carapau na Madeira e Açores, e de badejo em todas as águas.

A proposta hoje apresentada estabelece totais admissíveis de capturas e níveis de esforço de pesca para as unidades populacionais geridas exclusivamente pela UE. Em termos gerais, a Comissão decidiu, com base em pareceres científicos, propor aumentar ou manter os TAC para 16 unidades, e reduzi-los no caso de 47, adiando propostas sobre 13 espécies para as quais ainda não há pareceres científicos.

A proposta da Comissão será agora alvo de negociações com os Estados-membros, tradicionalmente longas.

fonte














Data: 2012-10-25
Autor:

 vídeo

APP lança vídeo “Journey to the center of the world”

 Poesia pelo Porto de Leixões

 

 APP pelo Facebook

 Consulte os dossiers do Portal APP

 NRP Sagres Volta ao Mundo 2010

 Se calha a sorte para a Armada…

 A Ver Navios

 Inauguração do novo Cais de Cruzeiros do Porto de Leixões

 Paquete Infante D. Henrique

 Arte xávega ou companhas das artes – Praia de Mira

 Nautilus Minerals - ROV Drill MINING

 Pesca artesanal valorizada em Sesimbra (1)

 Nova marina no Porto de Lisboa

 Funchal 500 Tall Ships Regatta – La Bamba

 Filatelia - Farol do Cabo Espichel

 Porto de Aveiro visto do céu

 APP no slide.com

 APP no SLIDESHARE

 APP no FACEBOOK

 Portos da CPLP reunidos em Cabo Verde

Portos da CPLP reunidos em Cabo Verde

Cidade de S. Vicente, Cabo Verde, 30 de Setembro/1 de Outubro de 2010

Associação dos Portos de Portugal © 2010 - Design & Programação by Idea Factory