Antena 5 Sistema de Lupa activo | Voltar vista normal
Notícias 
CONSELHO DE TRANSPORTES DA UNIÃO EUROPEIA

Trio de Presidências assina declaração conjunta para cooperação no sector dos transportes

O Trio de Presidências do Conselho de Transportes da União Europeia – Alemanha, Portugal e Eslovénia - inicia-se a 1 de julho de 2020 com o lema “Juntar forças para uma mobilidade sustentável, inovadora, resiliente e acessível”.

Esta terça-feira, na videoconferência inaugural, os três ministros assinaram uma declaração conjunta, que será a base para a cooperação no setor dos transportes nos próximos dezoito meses. Para além de tópicos sobre como lidar com a crise do coronavirus, lições aprendidas e consequente recuperação, a questão principal do Trio de Presidências é a mobilidade sustentável e inovadora. Em relação ao Pacto Ecológico Europeu, o Trio está comprometido em colocar uma maior ênfase na inovação, contribuindo desta forma para uma recuperação económica e sustentável. A este respeito, apoiar o alargamento do mercado e a facilidade de uso de combustíveis alternativos será uma das prioridades.

O Ministro português, Pedro Nuno Santos, sublinhou a importância da ferrovia como o modo de transporte do futuro. “Irá ajudar-nos a atingir uma melhor conectividade em toda a Europa, enquanto protegemos o ambiente a lutamos contra as alterações climáticas. Aguardo com expectativa trabalhar com os nossos amigos alemães e eslovenos nos próximos dezoito meses – trabalhar juntos num sistema de transportes mais sustentável, inovador, resiliente e acessível, para melhor ligar pessoas e negócios em todas as áreas geográficas da União.”

O ministro Federal Alemão, Andreas Scheuer, disse: “Nos próximos dezoito meses, iremos formar uma equipa forte com Portugal e Eslovénia. Juntos, iremos lançar um verdadeiro impulso inovador para uma mobilidade sustentável. Particularmente, atribuímos grande importância ao reforço do transporte ferroviário. Neste setor, conseguimos atingir imenso ao interligar mobilidade e digitalização. O sistema de acoplamento automático a nível europeu permitiria, por si só, a uma enorme poupança de tempo e a uma maior flexibilidade.”


Para o ministro Esloveno, Jernej Vrtovec, “A prioridade principal para a Eslovénia é tornar a mobilidade mais ecológica e facilitar o transporte transfronteiriço dentro da UE e com os países nossos vizinhos, especialmente com os países dos Balcãs Ocidentais. Neste âmbito, a Eslovénia irá focar-se na mobilidade elétrica, na facilitação do transporte transfronteiriço entre os Balcãs Ocidentais e a UE, na revisão da regulamentação dos TEN-T e naturalmente iremos ter em conta outros dossiers no domínio da mobilidade sustentável, inteligente e ecológica, da aviação, da ferrovia, etc. e, evidentemente, medidas relativas ao COVID-19, conforme necessário”. O Ministro das Infraestruturas Jernej Vrtovec também destacou a declaração do Trio que aborda a prioridade principal da UE e dos três países e servirá como uma orientação comum para as presidências no próximo ano e meio.